Composição Fotográfica: Ângulos

Quando falamos de Composição Fotográfica, falamos de diversos elementos que compõem e cena para formar uma imagem. Falamos de diversas decisões que são tomadas pelo fotógrafo, para formar essa cena, antes mesmo de ele apertar o botão da câmera.

Costumo dizer aos meus alunos que, composição fotográfica vem da alma, vem de dentro, do coração!

Você primeiro vê a cena, sente ela, enquadra em seu pensamento e só depois pega a câmera e fotografa.

Porém, existem algumas regras que aprendemos e seguimos para formarmos então uma imagem, para fazer aquela foto que prende a atenção do leitor e, às vezes, tira até aquele “uau!” da pessoa em que está olhando a sua fotografia.

Vejamos então algumas dessas regras:

Enquadramento, posicionamento

Quando falamos de enquadramento, podemos pensar que o visor da câmera é um quadro em branco no qual vou preencher com a imagem a ser fotografada, ou seja, falamos do que vou enquadrar no visor da minha câmera. E é aqui que pensamos em nosso posicionamento.

Sim, o posicionamento do fotógrafo em relação ao assunto que está sendo fotografado faz toda diferença!

Aqui trabalhamos com ângulo e pensamos se vamos fotografar na horizontal, na vertical ou até mesmo na diagonal. Aqui pensamos se me aproximo do assunto, se me afasto, se uso ou não o zoom, se desfoco o primeiro plano e foco o segundo, se desfoco o segundo plano, etc. Fazemos uma série de questionamentos para enfim fazer uma bela foto.

Dica!

Ao fotografar crianças, se abaixe e a fotografe na altura dela. Assim, você verá o mundo como ela vê e não corre o risco de “achatar” a criança fotografando ela de cima para baixo.

Aproveito aqui para falarmos um pouco sobre ângulos.

Ângulo Mergulho

É quando fotografamos de cima para baixo.

Quando fotografamos nesse ângulo, tudo o que está lá embaixo, costuma ficar ainda menor. É por isso que não fotografamos crianças de cima para baixo, senão acabamos por deixar elas ainda menores. O ideal é se agachar e fotografar elas na mesma altura.

Ângulo Contra Mergulho

É quando fotografamos de baixo para cima.

Nesse ângulo, o assunto a ser fotografado costuma parecer ainda maior do que é.

Ângulo Horizontal

É quando fotografamos na posição “deitada”.

Quando fotografamos paisagens, pôr-do-sol nesse ângulo, deixamos a linha do horizonte bem retinha e alinhada ao horizonte.

Ângulo Vertical

É quando fotografamos “em pé”.

Esse ângulo é muito usado em editorial de moda, fotos para revistas, etc. Mas não é um ângulo que não podemos usar, pelo contrário! Usamos bastante ele, principalmente quando desejamos fechar bem o ângulo somente naquele assunto a ser fotografado, eliminando assim que pessoas ou outros elementos indesejados entrem na minha cena.

Ângulo Diagonal

Pra falar a verdade eu nem sei se esse ângulo é considerado um ângulo mesmo! rsrs

Mas muita gente gosta de fotografar assim e eu não acho errado, desde que bem usado.

Esse ângulo é um ângulo que, quando bem usado, você consegue fazer fotos incríveis. Porém, tem que saber a hora certa de usar. E, ao montar um álbum fotográfico, não abuse desse tipo de foto, senão ao final do álbum, o leitor estará com dor no pescoço de ficar deitando o rosto para olhar as fotos! rsrs

 

É isso galerinha da foto!

Essa é só uma pequena parte do muito ainda que veremos aqui na série Composição Fotográfica.

Beijinhos e boas fotos! ♥

 

Comments

comments